segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

A Táctica...


Hoje apetecia-me olhar as palavras de São Paulo como quem olha a táctica de um treinador de futebol…imaginar São Paulo a falar á equipa…
“…Meus amigos, este não é apenas mais um jogo, mas é o jogo da nossa vida, porque na vida somos nós que jogamos…é preciso estarmos atentos, empenhados, devemos dar o nosso melhor, vamos tentar evitar as faltas, e gostaria que nenhum recebesse cartão algum ainda que fosse o amarelo, acima de tudo o fair-play…vamos jogar pela ala esquerda e pela direita e com um meio campo muito forte…quero lembrar-vos que este jogo não tem nenhuma taça em vista, a não ser a verdadeira taça que é a Verdadeira Vida, por isso quero dizer-vos três coisas:
a) Qualquer remate, passe ou golo vamos dedicá-lo ao Senhor da vida…tudo o que fizerdes, fazei para glória de Deus;
b) Não procureis envergonhar os parceiros nem sequer os adversários, nem os espectadores…neste jogo que não sejamos motivo de escândalo para ninguém…
c) A equipa acima de tudo…não há craques, nem melhores nem piores, a equipa joga, mas joga em conjunto…portanto devemos buscar o interesse de todos e não o próprio interesse…
O Grande jogador deixou-nos o Seu exemplo, em todos os momentos devemos esforçar-nos por amar a todos mesmo os adversários…é isso que eu tento fazer…por isso sede meus imitadores como eu o sou D’Ele…”

Era engraçado, tentarmos colocar em prática esta táctica…e em vez de falarmos de futebol, falarmos mesmo da vida, porque se quisermos a Vida Verdadeira…primeiro temos de aceitar esta vida…valia a pena pensarmos nisto…

5 comentários:

Anônimo disse...

Gosto deste verde.
Espero que ele signifique esperança na vitória da equipa de São Paulo e não, mudança clubística.

MFN

MFN disse...

Só agora me apercebi que está em silêncio!!!
Represálias???
Não permita que lhe mudem a sua identidade.
"O que eu sou é o que me faz viver" (Shakespeare, Henrique III)

Um abraço solidário sem saber com o quê.

MFN disse...

Humor, foi coisa que nunca lhe faltou. Entre um verde e um azul...tá bem tá. O verde era a nossa cor, este azul era da concorrência saudável.
Estou a brincar, sei que a mudança do fundo é sómente para que se consiga ler melhor.
Agora, que ontem me lembrei deste post, lá isso é verdade.
Ver os golos entrarem na "minha" baliza com um sportinguista "marido" ao lado...a gozar com a nossa azelhice e a falta de pontaria deles para o resultado ser ainda mais dilatado...foi sofrer estoicamente...ainda estou com azia...

Maria João disse...

Ora aqui está uma óptima táctica! :)

Gostei muito!


Conquistemos, então, a Vida Eterna!


Unidos em oração

Fa menor disse...

Verdade!
a) b) c)
Gostei. Vamos nessa!
Não podemos separar a vida das coisas da fé.

Fa